Cartaz de cinema

"Zero Dark Thirty" é o melhor filme do ano para o National Board of Review

Publicado em 5 Dez. 2012 às 22:31, por , em Notícias de cinema (Temas: Temporada de prémios)

"Zero Dark Thirty" é o melhor filme do ano para o National Board of Review

"Zero Dark Thirty" soma mais um prémio da crítica norte-americana.

O National Board of Review, uma das mais antigas organizações de crítica dos Estados Unidos da América e que conta com cerca de 110 membros – entre eles, críticos, académicos, cineastas e estudantes de cinema – anunciou hoje as escolhas para os melhores do ano cinematográfico de 2012.

"Zero Dark Thirty", o filme que narra a operação que levou à morte de Osama Bin Laden, volta a ser considerado como o Melhor Filme de 2012 (dois dias depois de lhe ter sido atribuída a mesma distinção pelo New York Film Critics Circle), somando também vitórias nas categorias de Realização (Kathryn Bigelow) e Atriz (para Jessica Chastain).

Destaque, ainda, para a entrada na "corrida" aos Oscars dos nomes de Leonardo DiCaprio (por "Django Libertado") e Ann Down (por "Compliance"), cujas interpretações secundárias foram premiadas.

Os principais vencedores do National Board of Review são (títulos em português indicam filmes estreados ou com data de estreia agendada no nosso país):

Melhor Filme: "Zero Dark Thirty"

Melhor Realização: Kahtryn Bigelow, por "Zero Dark Thirty"

Melhor Ator Principal: Bradley Cooper, por "Guia Para Um Final Feliz"

Melhor Atriz Principal: Jessica Chastain, por "Zero Dark Thirty"

Melhor Ator Secundário: Leonardo DiCaprio, por "Django Libertado"

Melhor Atriz Secundária: Ann Dowd, por "Compliance"

Melhor Elenco: "Os Miseráveis"

Melhor Filme Animado: "Força Ralph"

Melhor argumento original: Rian Johnson, "Looper"

Melhor argumento adaptado: David O. Russell, "Guia Para Um Final Feliz"

Ator revelação: Tom Holland, "O Impossível"

Atriz revelação: Quvenzhané Wallis, "Beasts of the Southern Wild"

Melhor primeira obra: Benh Zeitlin, "Beasts of the Southern Wild"

Melhor Filme Estrangeiro: "Amor", de Michael Haneke

Melhor Documentário: "Searching for Sugarman", de Malik Bendjelloul

Cumprindo a tradição, o National Board of Review também anunciou quais são os seus dez melhores filmes de 2012:

  • "Argo"
  • "Beasts of the Southern Wild"
  • "Django Libertado"
  • "Os Miseráveis"
  • "Lincoln"
  • "Looper – Reflexo Assassino"
  • "As Vantagens de Ser Invisível"
  • "Promised Land"
  • "Guia Para Um Final Feliz"
  • "Zero Dark Thirty"