Cartaz de cinema

Opinião: Cinema Europeu

Oliver Laxe, realizador de "O Que Arde": "a imagem analógica é muito mais poderosa do que a digital"

Oliver Laxe, realizador de "O Que Arde": "a imagem analógica é muito mais poderosa do que a digital"

Das estreias em sala esta semana, o Síndrome do Vinagre destaca "O Que Arde", realizado por Oliver Laxe, quase inteiramente rodado em película de 16mm.

16 Jul. 2020 às 11:57 por Samuel Andrade