Cartaz de cinema

Disney+ tenta fidelizar subscritores na Europa com assinatura anual

Publicado em 24 Fev. 2020 às 13:01, por filmSPOT, em Notícias de Televisão e Séries (Temas: Bastidores)

Disney+ tenta fidelizar subscritores na Europa com assinatura anual

A nova plataforma de streaming chega em março aos grandes mercados europeus e a Portugal durante o verão.

A Disney divulgou esta segunda-feira uma campanha comercial de angariação de clientes para a nova plataforma de streaming Disney+ nos maiores mercados europeus.

No Reino Unido, quem comprar a subscrição anual da Disney+ até 23 de março, véspera do lançamento, paga apenas £49.99 (€59,59) contra os £59.99 (€71,51) do preço normal. Ou seja, o equivalente a um custo mensal que oscila entre os £4.17 (€4,97) e £5.99 (€7,14) por mês.

Na Alemanha, o preço promocional é €59,99 euros e o custo normal sobe aos €69,99 euros. Equivalente a €4,99 e €5,83, respetivamente.

Criada para concorrer com a Netflix, a Disney+ começou a operar nos EUA em novembro de 2019. Antes disso, ficou disponível na Holanda, que funcionou como território de teste para o serviço.

A partir de 24 de março estará presente também no Reino Unido e Irlanda, Alemanha, Áustria e Suíça de língua alemã, França, Espanha e Itália. Seguem-se a Bélgica, Portugal e os Países Nórdicos, no verão.

A Walt Disney Company adiantou que até início de fevereiro tinha atingido a marca dos 28,6 milhões de clientes, só nos Estados Unidos.

Nas apresentações aos investidores, a companhia confessou que tem como objetivo atingir entre 60 e 90 milhões de subscritores, em todo o mundo, nos primeiros cinco anos.

Além dos catálogos da Disney, Pixar, Marvel, Star Wars, 20th Century Fox e National Geographic, a Disney+ contará mais de duas dezenas de programas originais, criados exclusivamente para a plataforma.