Cartaz de cinema

Destaques da programação da RTP2 (semana de 12 a 18 fevereiro 2018)

Publicado em 9 Fev. 2018 às 16:31, por , em Notícias de Televisão e Séries

Destaques da programação da RTP2 (semana de 12 a 18 fevereiro 2018)

O Ano Novo Chinês, falsificadores de arte e Tori Amos em concerto vão preencher a programação semanal do segundo canal da televisão pública.

Esta semana, em destaque na RTP2, cinco documentários a propósito do Ano Novo Chinês, que se inicia a 16 de fevereiro.

Em foco estarão ainda as vidas dos falsificadores de arte Elmyr de Hory e Guy Ribes e o memorável concerto da cantora, compositora e pianista norte-americana Tori Amos, no Baloise Session.

Ano Novo Chinês (estreia)

RTP2, Segunda, 12 de fevereiro, 11h15

Série documental

Por ocasião do Ano Novo Chinês, que se inicia a 16 de fevereiro, a RTP2 apresenta cinco documentários dedicados à cultura chinesa e às suas tradições e rituais.

O Ano Novo Chinês é a cerimónia mais importante de todo o calendário chinês, conhecida também como o "Festival da Primavera". Depois de um ano de trabalho árduo, é altura de agradecer as bençãos do ano que passou e partilhar o que a natureza ofereceu ao longo das estações, esperando que o ano que começa traga de novo a boa sorte. As famílias reúnem-se, trocam presentes e preparam a comida com os produtos da terra natal, recordando os alimentos colhidos nas montanhas e no mar, fruto do tempo e da natureza. Ao celebrar o Ano Novo Chinês as pessoas exprimem a abundância de emoções que foram crescendo ao longo do ano e desejam que as suas aspirações se concretizem.

 

Elmyr de Hory – O Falsificador do Século (estreia)

RTP2, Segunda, 12 de fevereiro, 23h15

Documentário

A vida de Elmyr de Hory genial falsificador do século XX capaz de imitar os maiores pintores da Arte Moderna.

A vida de Elmyr de Hory (1906-1976) foi tão espantosa e brilhante como as suas habilidades de falsificador. Foi capaz de imitar perfeitamente o estilo dos maiores pintores da Arte Moderna: Picasso, Dubuffet, Matisse, Chagall... as suas vítimas são incontáveis.

Sobrevivente dos campos de concentração Nazi, vindo de uma família húngara muito pobre, Elmyr de Hory tornou-se no maior falsificador do século XX. Com a ajuda de Fernand Le Gros, um vigarista extravagante e manipulador, Elmyr conseguiu que as suas obras fossem exibidas em museus e galerias e vendidas como originais. De Budapeste a Paris, do Rio de Janeiro aos Estados Unidos da América e a Ibiza, o pintor passou parte da sua vida a fugir do FBI e da Interpol. Os seus amigos eram Ursula Andress e Salvador Dali, as suas vítimas eram os nomes mais reconhecidos no mundo das artes dos anos 40 aos anos 70, e os seus inimigos eram ao mesmo tempo os seus parceiros. Através de arquivos, entrevistas a amigos próximos, o documentário conta os seus embustes e presta homenagem a um homem que, bem ou mal, deixou a sua marca na Arte Moderna.

 

Império dos Sentidos (1976)

RTP2, Segunda, 12 de fevereiro, 24h10

Filme

Do cineasta japonês Nagisa Oshima (1932-2013), "Império dos Sentidos" é um dos mais controversos filmes da história do cinema, que esteve proibido em vários países. Com um forte conteúdo sexual, o filme é baseado numa história verídica, ocorrida no Japão antes da Segunda Guerra Mundial, de um amor obsessivo e fatal.

Sada (Eiko Matsuda), uma antiga geisha, envolve-se numa relação amorosa com o seu atual patrão Kichizo (Tatsuya Fuji). A sua paixão depressa se transforma numa extrema obsessão pelo prazer onde não existem limites para alcançar o êxtase. Num gesto último de posse absoluta, Sado estrangula e castra o seu amante.

 

Um Verdadeiro Falsificador de Arte (estreia)

RTP2, Terça, 13 de fevereiro, 23h45

Documentário

A história de Guy Ribes, famoso e prolífico falsificador de obras de arte.

Mestre da falsificação, o francês Guy Ribes, nascido em 1948, é famoso por enganar o mundo da arte durante 30 anos e inundar o mercado com milhares de quadros falsos. Os seus Picassos, Matisses e Chagalls foram vendidos por uma fortuna, autenticados por especialistas e colocados nas paredes de muitas galerias e museus. Mas Ribes nunca copiou nenhum quadro, em vez disso pintou novas obras ao estilo dos mais célebres artistas. Neste notável documentário, Guy Ribes conta tudo. Revela a história de falsas viúvas, falsos herdeiros, comerciantes sem escrúpulos e por último, mas não menos importante, como conseguiu enganar todos por tanto tempo.

 

E Quando eu Morrer, não ficarei Morto (estreia)

RTP2, Quarta, 14 de fevereiro, 23h15

Documentário

A vida e obra do poeta surrealista e ativista afro-americano Bob Kaufman.

Bob Kaufman (1925-1986), considerado o "Rimbaud americano", é uma das vozes mais singulares do imaginário poético e político da literatura americana. O documentário de Billy Woodberry é uma viagem à beleza feroz da obra de Bob Kaufman e da sua conceção da poesia como elemento fundamental para a sobrevivência moral da humanidade. Amigo de William Burroughs e Allen Ginsberg, Bob Kaufman cunhou a expressão Beatnik e foi descrito pelo crítico Raymond Faye como "o poeta de jazz por excelência". Uma das principais vozes da "geração beat", e uma das mais esquecidas, Bob Kaufman teve uma vida conturbada com múltiplos abusos policiais, prisão, vícios e pobreza. Através de fotos, de entrevistas aos que o conheceram e dos ritmos calmos e agitados da sua obra conhecemos a história deste poeta de inegável talento.

 

Opening Act (estreia)

RTP2, Quinta, 15 de fevereiro, 23h15

Documentário

Ser selecionado para a Academia do Teatro Alla Scala é um privilégio que exige tudo em troca.

Uma referência de excelência entre as mais prestigiadas escolas do mundo, a Academia do Teatro Alla Scala, em Milão, forma profissionais em todas as áreas das artes performativas. Filmado ao longo de um ano, o documentário acompanha a vida dos estudantes e professores, a exigente rotina dos ensaios e a ansiedade da noite de estreia. Todo o esforço converge para este momento de extrema emoção onde os jovens podem mostrar o seu verdadeiro talento. Ser selecionado é apenas o primeiro passo.

 

Vamos Dançar? (2004)

RTP2, Sexta, 16 de fevereiro, 23h15

Filme

Filme do cineasta britânico Peter Chelsom com Richard Gere, Susan Sarandon e Jennifer Lopez. John Clark tem uma vida de sucesso mas monótona. Um dia, num ato impulsivo, descobre um novo universo cheio de ritmo, música e paixão.

O advogado John Clark (Richard Gere) sabe que a sua vida é quase perfeita. Casado com Beverly (Susan Sarandon), a mulher que ama, construiu uma carreira de sucesso e educou dois filhos maravilhosos. Mas os seus dias não passam da mera rotina, com a família demasiado ocupada para passarem tempo juntos. John questiona-se se isto é tudo o que a vida tem para oferecer. Todas as noites, quando regressa a casa de metro, vê uma jovem e linda mulher (Jennifer Lopez) através da janela de um estúdio de dança. Uma noite sai do comboio e faz o impensável. Sem contar a ninguém, inscreve-se nas aulas de dança da jovem e sensual professora. De repente, o advogado é confrontado com todo um novo universo de ritmo, música e paixão!

 

André Midani: Os Bastidores da Música Brasileira (estreia)

RTP2, Sábado, 17 de fevereiro, 22h15

Documentário

A história de um dos maiores executivos da indústria musical brasileira. Com Gilberto Gil, Caetano Veloso, Marisa Monte, Chico Buarque, Jorge Ben Jor, o próprio André Midani e muitos outros.

André Midani, o homem que "criou" a música brasileira. Baseado na sua autobiografia "Música, ídolos e poder: do vinil ao download", o documentário revela momentos chave na história da música brasileira através dos olhos André Midani, o lendário executivo da indústria musical que ajudou como ninguém a moldar a música brasileira desde os anos de 1950 ao novo milénio. A história é contada através de tertúlias informais e sessões ocasionais em sua casa com conceituados artistas, intelectuais e jornalistas que o influenciaram e ao mesmo tempo foram influenciados por ele. Reuniões que foram um importante contributo para a cultura do Brasil. Com Gilberto Gil, Caetano Veloso, Marisa Monte, Chico Buarque, Frejat, Jorge Ben Jor, Erasmo Carlos, Boni, Fernanda Torres, Washington Olivetto, Carlos Lyra, Miúcha, Roberto Menescal, Baby Brazil, Dadi, Liminha, Nelson Motta, Carlos Diegues, Fernanda Montenegro e muitos outros.

 

Pandora (1993)

RTP2, Sábado, 17 de fevereiro, 24h15

Filme

Filme do cineasta António da Cunha Telles (Funchal, 1935) com Philippe Léotard, Fanny Cottençon, Inês de Medeiros, João Grosso e Pedro Hestnes. "Pandora" também conhecido como "Setembro e uma ternura confusa" conta a história de um triângulo amoroso. Quando reencontra o seu amante ocasional Raul, Elsa tem como hóspede a jovem Teresa e os três acabam por se envolver numa relação cruzada que a perturba profundamente.

Lisboa, início de setembro. Elsa (Fanny Cottençon) hospeda Teresa (Inês de Medeiros), uma jovem rapariga de vinte e poucos anos, no quarto da filha Inês que foi passar férias com o pai. As duas mulheres saem para a noite. No Frágil, um bar de Lisboa, encontram Raul (Philippe Léotard) um amante ocasional de Elsa, marinheiro solitário de passagem por Lisboa que tem um barco chamado Pandora. Elsa volta a ter uma noite maravilhosa com Raul. Ao sair, Raul vê o corpo juvenil de Teresa e Elsa percebe nesse olhar a atração que desperta. Elsa fará tudo o que Raul quiser e é assim que acorda uma manhã, no barco de Raul, e vê o corpo nu de Teresa adormecido ao seu lado. Elsa fecha os olhos com desgosto, no prenúncio de um setembro brutal. Espancamento, doença terminal, suicídio, naufrágio e morte agitarão os últimos dias do mês. Até que uma paz estranha e silenciosa volta a governar a vida dos sobreviventes.

 

Quico, o Pequeno Herói (2007) - estreia

RTP2, Domingo, 18 de fevereiro, 18h30

Filme de Animação

Quico, um rapaz igual a tantos outros, motivado pela família e confiante nas suas capacidades embarca numa emocionante e por vezes perigosa aventura onde vai aprender que tudo é possível, todos os sonhos se podem concretizar, basta não desistir.

Quico é um rapazinho de 10 anos de idade apaixonado por basebol que, apesar do seu esforço, é sempre o último a ser escolhido nos jogos com os amigos. Mas quando o taco de basebol do seu ídolo Babe Ruth é roubado, Quico embarca numa emocionante e perigosa aventura. Para devolver o bastão roubado antes do decisivo jogo do campeonato, Quico atravessa o país, vive vários contratempos, e aprende a importância de não desistir e o verdadeiro significado da amizade.

 

Tori Amos em Concerto – Baloise Session 2015

RTP2, Domingo, 18 de fevereiro, 24h05

Concerto

Concerto memorável da cantora, compositora e pianista norte-americana Tori Amos (Newtown, 1963), no Baloise Session em 2015.

Tori Amos já vendeu milhões de discos em todo o mundo. Compositora de formação clássica abriu caminho como uma das poucas cantoras e intérpretes pop que usam o piano como instrumento principal. Cantando as suas próprias composições, com uma sonoridade única e um inegável talento que transcende géneros musicais, Tori Amos foi nomeada para os MTV e Video Music Awards e galardoada com o Echo Classic Award em 2012.