Cartaz de cinema

"Titane" vence o Festival de Cannes 2021

Publicado em 17 Jul. 2021 às 20:24, por filmSPOT, em Notícias de cinema (Temas: Festivais de cinema)

"Titane" vence o Festival de Cannes 2021

O filme francês de Julia Ducournau recebeu a Palma de Ouro atribuída por um júri presidido pelo norte-americano Spike Lee.

O filme francês "Titane", da realizadora Julia Ducournau venceu a edição 2021 do Festival de Cannes. O júri presidido pelo cineasta norte-americano Spike Lee atribuiu a Palma de Ouro à história de um jovem magoado na face que é intercetado pelos funcionários da alfândega do aeroporto. Afirma ser Adriane Legrand, desaparecido quando era criança, há dez anos. Para Vincent, pai de Adriene, um longo pesadelo chegou ao fim e leva o jovem para casa. Ao mesmo tempo, uma série de horríveis assassinatos ocorre na área...

Do restante palmarés anunciado durante o fim da tarde deste sábado, fazem também parte "Ghahreman", de Asgar Farhadi, e "Hytti n.6", de Juho Kuosmanen, Grande Prémio ex-aequo, e ainda "Memoria", de Apichatpong Weerasethakul, e "Ha'berech", de Nadav Lapid, Prémios do Júri, também ex-aequo.

Renate Reinsve venceu o prémio de melhor atriz por "The Worst Person in the World", de Joachim Trier, e Landry Jones o de melhor ator por "Nitram", de Justin Kurzel.

Para mais informações sobre os filmes em competição consulte: Cannes 2021: apresentação dos filmes a concurso.

Palmarés da competição oficial

  • Palma de Ouro para o melhor filme a concurso: "Titane", de Julia Ducournau
  • Grande Prémio (ex-aequo): "Ghahreman", de Asgar Farhadi e "Hytti n.6", de Juho Kuosmanen
  • Prémio do júri (ex-aequo): "Memoria", de Apichatpong Weerasethakul, e "Ha'berech", de Nadav Lapid
  • Melhor argumento: Hamaguchi Ryusuke e Takamasa Oe por "Drive My Car"
  • Melhor realização: Léos Carax, por "Annette"
  • Melhor interpretação feminina: Renate Reinsve em "The Worst Person in the World", de Joachim Trier
  • Melhor interpretação masculina: Landry Jones em "Nitram", de Justin Kurzel
  • Prémio Caméra d'or para uma primeira obra: "Murina", de Antoneta Alamat Kusijanovic
  • Palma de Ouro honorária: Marco Bellocchio
  • Palma de Ouro para a melhor curta-metragem: "Tian Xia Wu Ya", de Tang Yi
  • Menção honrosa competição de curtas-metragens: "Céu de Agosto" de Jasmin Tenucci

Palmarés da secção Un Certain Regard

  • Melhor filme da secção: "Razzhimaya Kulaki" (Unclenching the Fists), de Kira Kovalenko
  • Prémio do Júri: "Grosse Freiheit" (Great Freedom), de Sebastian Meise
  • Prémio Ensemble: "Bonne Mère", de Hafsia Herzi
  • Prémio Coragem: "La Civil", de Teodora Ana Mihai
  • Prémio Originalidade: "Lamb", de Valdimar Jóhannsson
  • Menção honrosa: "Noche de Fuego", de Tatiana Huezo

Prémios Seleção Cinefondation

  • Primeiro Prémio: "L'enfant Salamandre", de Théo Degen (Bélgica)
  • Segundo Prémio: "Cicada", de Yoon Daewoen (Coreia do Sul)
  • Terceiro Prémio (ex-aequo): "Prin Oras Circula Scurte Povesti de Dragoste", de Carina-Gabriela Dașoveanu (Roménia), e "Cantareira", de Rodrigo Ribeyro (Brasil)

Curtas Vila do Conde 2021