Cartaz de cinema

"Orange is the New Black": episódios da quinta temporada roubados e colocados online

Publicado em 29 Abr. 2017 às 12:25, por , em Notícias de cinema (Temas: Bastidores)

"Orange is the New Black": episódios da quinta temporada roubados e colocados online

Uma entidade não identificada roubou e colocou online dez episódios da quinta temporada da série "Orange is the New Black" ainda por estrear na Netflix, anunciou sábado a imprensa norte-americana.

Numa declaração oficial à Associated Press, citada pelo jornal britânico The Guardian, a Netflix fala de uma "brecha" ocorrida num "pequeno fornecedor" que trabalha para "vários dos principais estúdios de TV". A referida empresa, com sede em Los Gatos, na Califórnia, estará, segundo a mesma fonte, a ser investigada pelas autoridades.

O site Torrentfreak, que publica notícias relacionadas com a partilha de ficheiros, acrescenta que, de acordo com informações recebidas, o roubo terá ocorrido em finais de 2016, durante uma fase de pós-produção.

O grupo responsável pelo ato usa o pseudónimo The Dark Overlord, é conhecido no meio e será responsável por várias tentativas de extorsão. Começou por divulgar o roubo na sexta-feira e terá exigido um valor não especificado em dinheiro. Perante o silêncio da Netflix concretizou a ameaça e carregou os ficheiros num site de partilha de conteúdos.

Afirmaram também que estão na posse de conteúdos pertencentes aos canais ABC, FOX, IFC e National Geographic.

"Orange is the Black", é uma das séries originais Netflix mais premiadas e frequentemente referida como sendo das mais populares - apesar de a empresa ter como política não divulgar dados precisos de audiência. A estreia mundial da quinta temporada estava anunciada para 9 de junho.

"Não tinha de ser assim Netflix", afirmaram os alegados autores do roubo, "Vão perder muito mais dinheiro nisto do que com a nossa modesta oferta. Evergonha-nos bastante ter de respirar o mesmo ar do que vocês. Sempre pensámos que um negócio pragmático como o vosso veria e compreenderia os benefícios de cooperar com uma entidade razoável e piedosa como a nossa". E deixaram outra ameaça: "Para os restantes: ainda se podem salvar. A(s) nossa(s) ofertas permanecem na mesa - por agora".