Cartaz de cinema

"O Síndrome do Vinagre" por Samuel Andrade
O Arquivo da Semana: no centenário de Ray Bradbury

Publicado em 21 Ago. 2020 às 09:28, por Samuel Andrade, em Opinião, Notícias de cinema (Temas: Síndrome do Vinagre)

O Arquivo da Semana: no centenário de Ray Bradbury

Recordamos cinco momentos do escritor diante das câmaras na semana em que passam 100 anos sobre o seu nascimento.

Se fosse vivo, Ray Bradbury faria, esta semana, 100 anos. Nascido a 22 de agosto de 1920, o escritor e argumentista que dedicou a maior parte da sua carreira à ficção-científica e ao fantástico através de clássicos como "Fahrenheit 451", ou "Crónicas Marcianas", foi um dos autores mais influentes e aclamados do Século XX.

Além de ter inspirado variados escritores de ficção-científica, os temas da sua literatura (estados de política repressiva e autoritária, a relação do Homem com a tecnologia, inadaptação e inconformismo sociais, etc.) continuam a ressoar hoje. Em 2012, aquando da sua morte, Barack Obama prestou homenagem a Bradbury, elogiando o seu "dom para a narrativa" e afirmando que o autor "percebeu como a nossa imaginação pode ser ferramenta para uma melhor compreensão, um veículo de mudança e uma expressão dos nossos mais estimados valores".

Na cultura popular, o legado de Ray Bradbury não se limita à escrita. Para lá das distintas adaptações das suas obras ao cinema e televisão, nunca hesitou em aparecer diante das câmaras, revelando perante a objetiva, o imaginário e a humanidade que caracterizam a sua obra literária.

No momento em que se celebra o seu centenário, o Arquivo revela hoje cinco registos audiovisuais de Ray Bradbury, desde a década de 1950 até finais do século passado, que revelam alguns traços do autor.

 

Transmitido pela NBC durante várias décadas, "You Bet Your Life" foi um popular concurso apresentado pelo carismático Groucho Marx, onde celebridades e concorrentes anónimos punham à prova a sua sabedoria geral. A 24 de maio de 1956, Ray Bradbury não só enfrentou o humor do apresentador ("Que refrescante! Um escritor capaz de soletrar!"), como respondeu a perguntas sobre cinema tendo falhado apenas no desafio final.

(Fonte: National Broadcasting Company – NBC)

"Precisamos de artistas, pessoas como eu, que pegam em bocados de realidade e mostram as coisas como elas são". A propósito da adaptação cinematográfica de "O Homem Ilustrado", em 1969, Ray Bradbury discorria acerca da experiência de ver uma história sua no grande ecrã, mas também sobre a violência do ser humano, o amor que existe na nossa civilização e a necessidade de convivermos com a alegria e a tristeza.

(Fonte: CBC Archives)

Ainda relativamente à adaptação ao cinema de "O Homem Ilustrado", o documentário "Tattooed Steiger" (1969) descerra o longo e aprimorado processo de maquilhagem do ator Rod Steiger, executado num ambiente quase cirúrgico. O próprio Ray Bradbury protagoniza uma fugaz aparição, por volta dos 9 minutos e 12 segundos.

(Fontes: Warner Bros. / Seven Arts)

Em janeiro de 1974, Ray Bradbury foi o convidado de "Day at Night", talk show apresentado pelo professor universitário James Day e transmitido pela PBS. Numa conversa de cerca de meia hora, o autor partilha a sua visão em torno de assuntos tão diversos como as memórias de infância no seio de uma família humilde, a capacidade de fantasiar, arte e sobrevivência através da literatura, e a convicção de não ser um escritor de ficção-científica, mas sim "de contos de fadas e mitos modernos sobre tecnologia".

(Fontes: Public Broadcasting Service – PBS / CUNY TV)

Emitida pela HBO entre 1985 e 1992, "The Ray Bradbury Theater" foi uma série televisiva canadiana que, todas as semanas, adaptava, em episódios com cerca de 25 minutos, um romance ou conto do escritor. O próprio Bradbury apresentava cada episódio, sentado no escritório e partilhando breves considerações sobre a origem das suas ideias. Um número considerável de episódios podem ser vistos neste canal de YouTube.

(Fontes: Alberta Filmworks / Atlantis Films / Ellipse Animation / Granada Television)

Curtas Vilda do Conde 2020