Cartaz de cinema

Meryl Streep afirma que Walt Disney foi "machista" e "anti-semita"

Publicado em 9 Jan. 2014 às 20:10, por , em Notícias de cinema (Temas: Temporada de prémios)

Meryl Streep afirma que Walt Disney foi "machista" e "anti-semita"

A atriz norte-americana não hesitou em destacar os pormenores menos lisonjeiros do criador do Rato Mickey retratado por Tom Hanks em "Ao Encontro do Sr. Banks".

Durante um jantar promovido pelo National Board of Review, associação composta por cineastas, académicos, profissionais, estudantes e entusiastas de cinema, Meryl Streep foi convidada a falar em honra de Emma Thompson e da sua premiada interpretação em "Ao Encontro do Sr. Banks" (Saving Mr. Banks), onde a atriz britânica interpreta P.L. Travers, a criadora de Mary Poppins.

Após elogiar Emma Thompson, Meryl Streep alterou o tom do discurso e ofereceu a sua perspetiva pessoal, e nada positiva, acerca da personalidade de Walt Disney.

Começando por dizer que "alguns dos seus colaboradores afirmaram que ele não gostava de trabalhar com mulheres", por achar que estas "não possuem qualquer sensibilidade criativa na preparação de filmes animados", até considerar que Disney "apoiou um grupo anti-semita que fazia lobbying no seio da indústria" e apelidando o criador do Rato Mickey como um "tarado sexual".

Tendo em conta as várias polémicas que recentemente têm surgido (como a que envolveu o realizador Steve McQueen e o crítico Armond White, não restam dúvidas de que a temporada de prémios de cinema de 2014 tem sido tudo menos enfadonha e pacífica.