Cartaz de cinema

Mark Cavendish protagonista na "Casa do Ciclismo" do Eurosport

Publicado em 24 Jun. 2016 às 15:13, por , em Notícias de Televisão e Séries

Mark Cavendish protagonista na "Casa do Ciclismo" do Eurosport

Nas vésperas da Volta a França em bicicleta, o Eurosport 1 vai transmitir, na próxima segunda-feira 27 de junho, às 18h30, uma nova edição do programa "Bike Shed" que dá as boas vindas ao britânico Mark Cavendish um dos grandes corredores do pelotão de ciclismo internacional. O sprinter irá falar sobre a ambição de perseguir o recorde das 34 vitórias de Eddy Merckx em etapas da Volta à França, além do desejo de voltar a ganhar nos Campos Elísios, em Paris.

Ao Tour o britânico chegará integrado na Dimension Data que, em 2015, se tornou a primeira equipa africana a participar na maior prova do calendário mundial. Além de apontar ao triunfo em etapas, Cavendish aponta à camisola amarela que nunca chegou a envergar na prova francesa.

Nas palavras de Cavendish: "acredito que o talento em África é incrível. Vi-o com os meus próprios olhos e está em pleno crescimento. Vi o potencial físico de alguns dos rapazes e acredito realmente que África será o próximo continente a fornecer grandes ciclistas ao pelotão internacional. E se puder fazer parte dele e ajudar a desenvolver o ciclismo africano com esta equipa… isso deixar-me-á muito orgulhoso."

"Nunca foi segredo para ninguém que a Volta a França é tudo para a minha carreira de ciclista. É a pensar nesta competição que trabalho ao longo de todo o ano. Gosto de ir a França todas as épocas, correr na prova ciclista mais importante do mundo. Todos os anos desfruto do espetacular sprint dos Campos Elísios. Mesmo as pessoas que não são apaixonadas por ciclismo seguem e conhecem a Volta a França. A camisola amarela simboliza o ciclismo."

O programa de segunda-feira vai também mostrar os melhores momentos das entrevistas emitidas anteriormente com John Degenkolb e Alberto Contador.

O Eurosport transmite, em direto, todas as etapas da Volta à França, a partir de 2 de julho.