Cartaz de cinema

Curtas em Vila do Conde a partir de 4 de julho

Publicado em 2 Jul. 2015 às 16:34, por , em Notícias de cinema (Temas: Cinema Português, Festivais de cinema)

Curtas em Vila do Conde a partir de 4 de julho

A 23ª edição do Curtas Vila do Conde – Festival Internacional de Cinema arranca no próximo sábado, 4 de julho, com a antestreia nacional de "As Mil e Uma Noites" de Miguel Gomes, a abertura do Curtinhas com "A Ovelha Choné: O Filme" e ainda o filme-concerto de Frankie Chavez.

"As Mil e Uma Noites", o muito aguardado novo filme de Miguel Gomes, será exibido pela primeira vez em Portugal, no próximo fim-de-semana, no Curtas Vila do Conde. "O Inquieto", o primeiro volume da obra, será apresentado na sessão de abertura do Festival, no sábado, às 17h00. No mesmo dia, às 21h30, é exibido o segundo volume "O Desolado". A última parte do filme poderá ser vista no dia seguinte, domingo, 5 de julho, às 21h30.

Miguel Gomes e o elenco do filme, composto por atores como Rogério Samora, Gonçalo Waddington, Adriano Luz, Teresa Madruga, Américo Silva, Crista Alfaiate, João Pedro Benárd e Joana de Verona, e não-atores que se representam a si próprios na parte documental das histórias do filme, entre eles os trabalhadores dos Estaleiros de Viana, habitantes de Resende e ainda desempregados de Aveiro, estarão em Vila do Conde durante o fim-de-semana. Esta será também a primeira vez que grande parte da equipa assistirá ao filme.

O filme fala do Portugal contemporâneo e das contradições provocadas pela crise económica. Adapta a clássica história de Xerazade em três volumes independentes, num total de mais de seis horas de filme.

Também no sábado, o Curtinhas, a secção do Festival dedicada aos mais novos apoiada pelo MAR Shopping, abre com a pré-estreia de "A Ovelha Choné: O Filme" às 15:00.

Depois do sucesso da série, as aventuras da Ovelha Choné, uma ovelha esperta e matreira que vive com o seu rebanho na quinta Vale Verdejante, passam agora para o grande ecrã.

No filme, Choné cansa-se da rotina da vida na quinta e tira um dia de folga que acaba por não correr como previsto: o plano descontrola-se rapidamente e faz com que o indefeso Agricultor acabe longe da quinta.

Com a ajuda do rebanho, a Ovelha Choné terá de deixar a quinta pela primeira vez e viajar até à Grande Cidade para salvar o Agricultor, sem ser apanhada pelo malvado funcionário do controlo animal.

A longa-metragem de animação, realizada em stop-motion, estreia nas salas de cinema em setembro. Esta é mais uma prestigiada produção dos Estúdios Aardman.

O primeiro dia do Festival terminará com um filme-concerto de Frankie Chavez que vai musicar ao vivo um clássico do período mudo: "The Good Bad Man", realizado por Allan Dwan e protagonizado por Douglas Fairbanks – um dos atores mais importantes do cinema mudo e aqui também produtor e argumentista – e com supervisão técnica do mestre D. W. Griffith.

O filme narra a história de Passin" Through, um bandido de bom coração e órfão de pai e mãe, que é conduzido à descoberta da sua família depois de ter sido capturado. É, assim, uma história de revelação da identidade e de uma certa história mítica do oeste americano. "The Good Bad Man" é apresentado no Curtas 2015 a partir de um restauro da película original da versão de 1923.

O Stereo, o nome dado a esta secção do Festival patrocinada pela FNAC, vai contar também, ao longo da semana, com espetáculos de Lambchop; You Can"t Win, Charlie Brown; Bruno Pernadas; e Garcia da Selva com Norberto Lobo.

O Curtas Vila do Conde decorre entre 4 e 12 de julho. A programação completa pode ser consultada no site do festival.