Cartaz de cinema

Ator de "Um Porquinho Chamado Babe" condenado a sete dias de prisão por protesto

Publicado em 2 Jul. 2017 às 13:11, por , em Notícias de cinema (Temas: Bastidores)

Ator de "Um Porquinho Chamado Babe" condenado a sete dias de prisão por protesto

James Cromwell esteve envolvido numa manifestação pacífica contra a construção de uma central térmica perto de sua casa.

O ator James Cromwell vai passar sete dias na prisão após recusar o pagamento de multas relacionadas com a sua detenção num protesto no condado de Orange, estado de Nova Iorque.

De acordo com uma notícia do jornal Times Herald-Record, Cromwell, que vive na zona, foi considerado culpado de bloquear o trânsito nos terrenos de construção de uma central eletrica alimentada a gas natural, na pequena cidade de Wawayanda, em dezembro de 2015.

Um grupo de seis pessoas opôs-se à construção por considerar que as emissões de carbono da central representam uma ameaça ao meio ambiente e contribuirão para acelerar as mudanças climáticas, explica a mesma notícia.

O ator de 77 anos, vencedor do Oscar de melhor ator secundário em 1996 pelo seu papel no filme "Um Porquinho Chamado Babe", recusou pagar as multas a que foi condenado pelo tribunal. Irá, por isso, passar uma semana na prisão, na companhia de outros dois manifestantes.

De acordo com Cromwell, citado no artigo do jornal local de Middleton, é seu desejo que "as pessoas percebam a injustiça da sentença de prisão e que se mobilizem para mais manifestações diante da central".

Além da presença em "Um Porquinho Chamado Baby", James Cromwell conta sua carreira com presenças em séries de televisão como "American Horror Story" (que lhe valeu um Emmy), "The Young Pope", "Sete Palmos de Terra", e ":24".