Cartaz de cinema

"13 Reasons Why": pressões externas levam Netflix a alterar cena de suicídio

Publicado em 16 Jul. 2019 às 11:24, por , em Notícias de Televisão e Séries (Temas: Bastidores)

"13 Reasons Why": pressões externas levam Netflix a alterar cena de suicídio

A estreia da terceira temporada está prevista para este verão.

Passaram mais de dois anos, mas prossegue a controvérsia em redor da série "13 Reasons Why" (em Portugal "Por Treze Razões"). Quando se aproxima a estreia da terceira temporada, prevista para finais do verão, a Netflix decidiu mudar a cena explícita em que a adolescente Hannah Baker se suicida.

Com perto de três minutos, a cena original já não está disponível na plataforma. Onde a morte de Hannah era mostrada em detalhe, agora, há apenas um plano da jovem frente ao espelho da casa de banho que passa diretamente para a reação dos pais quando descobrem o corpo sem vida da filha.

A Netflix explica as razões para a mudança numa declaração citada no The Hollywood Reporter:

"Soubemos que '13 Reasons Why' encorajou muitos jovens a iniciarem conversas sobre questões difíceis como depressão e suicídio e a obter ajuda - muitas vezes pela primeira vez. À medida que preparamos a terceira temporada, ainda este verão, estamos atentos ao debate que continua em torno da série. Por isso, a conselho de médicos especialistas, incluindo a Dra. Christine Moutier, diretora médica da Fundação Americana para Prevenção do Suicídio, decidimos, em conjunto com o criador da série, Brian Yorkey, e os produtores, editar a cena em que Hannah tira a própria vida, na primeira temporada."

Pretende a Netflix reduzir a exposição à cena dos jovens que, a propósito da chegada de novos episódios, se preparam para ver a série pela primeira vez.

Da parte do homem que adaptou o livro homónimo de Jay Asher, as declarações mantêm o tom:

"Em termos criativos, pretendíamos retratar a horrível e dolorosa realidade do suicídio com tal detalhe que ninguém jamais desejasse imitá-lo. Mas, à medida que nos preparamos para a terceira temporada, ouvimos a preocupação da Dra. Christine Moutier, da Fundação Americana para a Prevenção do Suicídio e outros, e concordamos com a decisão da Netflix em reeditá-la. Nenhuma cena é mais importante do que a vida da série e a sua mensagem de que devemos cuidar melhor uns dos outros. Acreditamos que esta alteração ajudará a série enquanto atenua qualquer risco para espectadores jovens especialmente vulneráveis".

Antes, a Netflix já tinha tomado medidas para aliviar a polémica em redor da série através do site 13ReasonsWhy.info que inclui guias de discussão e um conjunto de vídeos onde o elenco aborda problemas retratados na série, como bullying, agressão sexual e o abuso de drogas.

"13 Reasons Why" começa quando o adolescente Clay Jensen (Dylan Minnette) regressa da escola para encontrar uma misteriosa caixa com o seu nome. No interior, descobre cassetes gravadas por Hannah Baker (Katherine Langford) - sua colega de turma e namorada - que se suicidara duas semanas antes. Na cassete, Hannah explica que existem treze razões pelas quais decidiu acabar com a vida. Através das narrativas de Hannah e Clay, é tecida uma intrincada e dolorosa história da vida de Hannah.

A segunda temporada acompanha o período após a morte de Hannah e o início das complicadas recuperações das personagens enquanto alguém continua a tentar ocultar a verdade em torno da morte da jovem. Até que uma série de polaroids levam Clay e os seus colegas a descobrir um segredo e uma conspiração.